EnglishItalianPortugueseSpanish

Carnaval na pandemia e agora ?

Dicas para manter a essência do Carnaval sem sair de casa

“Ressignificar” foi uma das expressões mais utilizadas em 2020. Por conta da pandemia, foi necessário dar outros sentidos e significados para as coisas que já éramos habituados, como o trabalho, a educação, as compras, entre tantos outros aspectos. As comemorações e feriados também tiveram que ser repensados: celebrações adiadas ou com pouquíssimas pessoas para não correr o risco de contaminação e propagação do novo coronavírus.

Em 2021, mesmo com a ótima notícia sobre a chegada da vacina, entendemos que a nossa realidade ainda não permite aglomerações ou negligências. Ainda é necessário permanecer em casa e tomar os cuidados necessários contra a Covid-19. E por conta disso, pelo bem de todos, o Carnaval, uma das festas mais esperadas da cultura brasileira, não poderá acontecer conforme estamos acostumados. Bloquinhos e desfiles precisaram ser cancelados, apesar de toda a saudade que estamos sentindo dessa grande festa.

O Carnaval é conhecido por sua irreverência e animação, tendo sua raiz na Idade Média, quando as pessoas iam às ruas para brincar, zombar, beber e se divertir antes do período conhecido como Quaresma, época importante para as religiões cristãs. Outras fontes indicam que essa celebração pode ter relação com festas de origem greco-romana que eram dedicadas a Baco (também conhecido como Dionísio), Deus do vinho, e, portanto, eram festividades marcadas pelo excesso de comida, bebida e prazeres.

Diversão e alegria são, portanto, a essência do carnaval. Brincar, se divertir e dançar são a cara dessa festa, mesmo que não possamos comemorá-la da forma tradicional. No “novo normal”, é preciso descobrir novas formas de celebrar. Se tiver filhos, pode ser interessante elaborar uma brincadeira com as crianças que envolva criar fantasias, decoração da casa e maquiagens divertidas, além de muita música animada. Um momento diferenciado para manter viva a criatividade e a energia dessa data.

Dividir momentos de extroversão com os amigos também é válido, mas mantendo sempre o distanciamento social. Você sabia que existem recursos para fazer festas online? Assim como as reuniões de trabalho e as aulas estão sendo realizadas de forma remota, algumas pessoas apostam no happy hour virtual e até em baladas via aplicativos de vídeo chamada. Por que não combinar com seus amigos um momento descontraído sem furar a quarentena? Basta convidá-los para uma chamada de vídeo, compartilhar sua playlist para que todos se divirtam com a música, interagir pelo chat e aproveitar. Vale fazer uma decoração colorida em sua casa e até se fantasiar. O importante é manter o clima carnavalesco e se divertir com segurança!

Apesar de ser um momento para extravasar e esquecer dos problemas, é preciso ter consciência de que somos responsáveis por nossa saúde e a saúde das pessoas que amamos. A hora de festejarmos juntos ainda chegará, mas por ora, é tempo de cuidar dos nossos, celebrar de longe e cultivar a alegria, mantendo a esperança de que o “velho normal” retornará em breve.

_por Layane

Layane é mineira, professora e escritora independente. Apaixonada por aprender e ensinar, conheceu cedo o encanto das letras e dos livros. Nas horas vagas, gosta de divagar sobre a vida, sobre o universo e tudo mais. Conheça mais sobre a autora desse texto no Instagram: @layanealmeidaaa

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin