EnglishItalianPortugueseSpanish

Adeus 2020

Um dos anos mais desafiadores já enfrentado.

2020 foi um ano difícil, não há como negar. Um ano de muitos desafios, incertezas, inseguranças e instabilidades. Um ano onde todas as pessoas do mundo, enfrentaram o mesmo tipo de problema, mas, passando por provações pessoais diferentes.

Alguns, sentiram mais o impacto em suas vidas ao serem surpreendidos pela morte de familiares ou amigos. Outros, ao se contaminarem com o Covid-19 precisaram ficar isolados daqueles que amam. Ou ainda talvez, você não tenha contraído a doença, mas foi atingida pelos efeitos colaterais que ela causa na sociedade, como: as dificuldades financeiras; o afastamento de amizades e/ou término de relacionamentos amorosos; as paralizações das cidades e do comércio e, mais tudo aquilo que nos afastou de uma vida, antes, conhecida como normal.

Minha missão, como uma figura que influência positivamente, que ajuda a formar opiniões, que comanda esse grupo de mulheres que escreve lindos e motivacionais textos para você, leitora, é sempre passar uma mensagem de positivismo. Mas talvez você esteja se perguntando: “Carol, como é possível ser positiva em tempos tão desafiadores?” Bem, é uma escolha.

Eu acredito no Universo e que tudo o que passamos, coletivamente enquanto sociedade ou individualmente, existiu por algum propósito. Propósito esse, que nesse momento, ainda não temos a resposta certa para justificar. Nós estamos felizes com os castigos? Não, definitivamente não! Mas se você for mãe, entenderá com ainda mais facilidade, o pensamento de que por vezes, precisará castigas os seus filhos, mesmo amando-os. E infelizmente, é dessa forma que nós, seres humanos, podemos evoluir.

O mundo não é um conto de fadas há muitos séculos ( se é que algum dia ele foi) e pelo que acompanhamos nos noticiários, notamos que infelizmente, nós estamos, enquanto sociedade, muito longe de uma evolução completa e positiva. E você já deve ter ouvido aquele ditado que diz, “se você não aprende por amor, aprenderá na dor.”

E se tudo isso que estamos passando enquanto sociedade, for exatamente para nos ensinar a sermos melhores? A valorizarmos mais aqueles que realmente nos amam? A amarmos mais e termos menos orgulho, ódio e rancor em nossos corações? A valorizarmos e preservarmos mais a nossa saúde? A reaprendermos sobre a delícia que é, respirarmos o ar puro em contato com a natureza e do acolhimento emocional de um abraço demorado nas pessoas? Afinal de contas, nossos valores como sociedade andavam tão distorcidos, não é mesmo!?

Essa pandemia nos ensinou muitas coisas, entre elas, sobre a importância de um bom planejamento financeiro e de como devemos economizar dinheiro ao invés de gastar com coisas que são além do nosso poder de compra. Afinal, do que adianta ter um Iphone 12, se lhe faltará dinheiro para pagar a luz, no fim do mês? Do que adianta viver de aparências quando não se possui o essencial?

Aprendemos ainda sobre a nossa própria fragilidade física. Sobre a necessidade de cuidarmos da nossa saúde mental, porque o nosso corpo, assim como qualquer máquina, ao estar em contato com um vírus, pode parar de funcionar. Do dia para a noite.

Fomos obrigados a prestas atenção na realidade da vida, que é: podemos deixar de existir a QUALQUER momento!

Então é extremamente importante que você viva o hoje de uma forma leve, porque se você partir amanhã, a última coisa que você levará dessa vida é o que você viveu hoje.

Não quero parecer insensível ao falar de vida e morte, mas precisamos aprender a encarar nossos medos de frente, para que então, nossa realidade seja vivida com plenitude. E na humilde opinião da escritora que voz fala, esses são ensinamentos que precisam ser levados a sério, sobre esse ano de 2020.

Então, ser positiva a respeito disso tudo, é uma escolha diária. É uma filosofia de vida. É decidir tentar aprender uma lição diante dos problemas e das tristezas. E sim, eu também passei por muitas batalhas, por muitas rasteiras, por muitas coisas tristes e inesperadas esse ano. Também fiquei abalada e confesso no seu ombro amigo, que ainda não estou 100% recuperada de todos os acontecimentos. Mas mesmo assim, eu sigo escolhendo acreditar que dias melhores virão e essa é apenas uma fase que precisávamos viver. Uma tempestade, que no final das contas deixará em nossas vidas, somente aquilo que deve ficar. E nós, que sobrevivemos diante de todas as dificuldades, somos como bambus. Sim, bambus, que envergam com fortes ventanias e tempestades, mas que quando o sol volta, lá permaneceram, de pé.

Portanto, por mais que esse ano tenha feito você se sentir frágil, esgotada e para baixo, não deixe de acreditar na sua força interior e nem se subestime, achando-se inferior aos outros. Se você acreditar em si e seguir de pé, como o bambu, perceberá o quão forte é a sua capacidade de não se deixar derrotar.

2021 chega com uma grande expectativa. Sonhamos com o fim da pandemia e com a normalização de nossas vidas, para podermos recuperar o “tempo perdido”. Se bem que, um tempo de ensinamentos, não pode ser considerado um tempo perdido, mas sim, um tempo que, apesar de sofrido e indesejada, foi necessário para um propósito maior, do qual nesse momento, nem você, nem eu, temos as respostas exatas sobre os motivos.
E
Astrologicamente, o ano de 2021 será regido por Vênus e segundo as religiões de origem africanas, Oxum será o orixá a frente do novo ano. Segundo essas orientações, podemos esperar por um ano de boas colheitas para aqueles que plantaram, assim como: muito amor, abundância financeira e prosperidade. E o meu conselho é que, mesmo que você não acredite nessas previsões ou seja de outra religião, apenas acredite e deixe a sua mente ser guiada pela positividade da esperança de tempos melhores.

É um novo ano, é um novo ciclo. Assim como fomos surpreendidos negativamente pelos problemas de 2020, vamos acreditar que 2021 pode ser o ano do oposto. O ano em que seremos surpreendidas positivamente com o amor e cuidado de Deus.

Ter você aqui conosco todo esse ano, querida leitora, nos fez acreditar que juntas somos mais fortes e que com fé, perseverança e companheirismo, podemos suportar tudo!

Então quando os ponteiros marcarem meia noite para a virada do ano, sinta tudo o que há de novo em você!

Acredite na sua capacidade!
Ame-se como nunca se amou!
Tenha mais amor, alegria, EMPATIA. Mais Deus.

Eu e a equipe de colaboradoras do CAROLINNEOLIVEIRA.COM, desejamos a você, um ano extraordinário, com aquela “carinha” de vida nova para realizarmos tudo o que almejamos.

Feliz 2021. ACREDITE EM VOCÊ!

Com carinho, Carol.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin